terça-feira, 19 de abril de 2011

Risoto de Bacalhau com inspiração de Henrique Sá Pessoa



Este risoto serviu para aproveitar uma posta de bacalhau cozido e uns restos de couve-flor e bróculos. Tinha guardado a água da cozedura e peguei no livro da semana, excelente por sinal, e adaptei. Ficou MARAVILHOSO! No dia seguinte ainda estava melhor.

Então, a receita é baseada nas duas belas receitas de risoto do Henrique Sá Pessoa, das páginas 144 e 145 do meu querido livro "Curso de Cozinha", pela Esfera dos Livros.


Ingredientes:

- 2 dentes de alho;
- 1 cebola;
- azeite;
- 50ml de vinho branco;
- água da cozedora do bacalhau 750ml (tinha 250 a que acrescentei água quente);
- 3 fatias de queijo de sanduíche;
- 1 folha de louro;
- 1 c. sopa de manjericão seco;
- sal e pimenta q.b.
- 200 gr de arroz para risoto (arbóreo);
- 1 1/2 postas de bacalhau cozido e aos pedaços;
- 1 pé de brócolo e de couve-flor cozidos e picados grosseiramente.


Preparação:

Picar na Bi,by ou à mão os alhos e as cebolas e refogar no azeite com a folha de louro. Piquei por 5 seg. na vel.5 e refoguei em 5 min. vel.1 temp.100.
Juntar o arroz e deixar refogar. Coloquei 3 minutos na vel. colher inversa e temp. 100.
Adicionar o vinho e deixar apurar. Programei 3 minutos na colher inversa na temp. 100.
Colocar a borboleta e juntar a água da cozedura quente até cobrir tudo. Programar 14 minutos colher inversa na temp.100. Ter um fervedor com água quente ou uma panela e ir adicionando água sempre que comece a secar.
Findo o tempo rectificar temperos e juntar o bacalhau, os vegetais e o manjericão. Programar mais 4 minutos na mesma velocidade e temperatura.
Quando faltar 1 minuto juntar o queijo. Deixar repousar alguns minutos e servir quando estiver cremoso.


Nota: Se sobrar guarde no frigorífico e sirva no outro dia aquecido, fica excelente!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo